Logística 4.0 e tendências para o transporte de cargas em 2022

Logística 4.0

A tecnologia e a transformação digital estão promovendo significativas mudanças no setor de logística e transporte de cargas. E a previsão é que essas inovações ganham cada vez mais destaque nos próximos anos, sobretudo com a consolidação do conceito de Logística 4.0. Mas você entende o que significa esse termo? 

O que é a Logística 4.0? 

Ela está baseada no que rege a Indústria 4.0, que se apropria da tecnologia para explorar o conceito de “smart” e tem como objetivo otimizar processos a partir de inovações provenientes dos avanços tecnológicos, sobretudo dos recursos digitais.

No caso da Logística 4.0, ela lança mão de equipamentos e elementos para promover uma verdadeira evolução no setor de transporte de cargas. Para isso, ela faz uso, por exemplo, de contêiners, veículos e outros itens integrados a sistemas inteligentes de transportes, que são inseridos em um fluxo automatizado, em rede. 

Para se ter uma ideia do caminho percorrido pela Logística até chegar à fase atual, veja o histórico de evolução da atividade: 

  • Primórdios da logística: Pode-se dizer que ela tem suas raízes ainda nos tempos do antigo Egito, que armazenava suprimentos e grãos para contornar as cheias e secas do Rio Nilo;
  • Logística 0 (1900-1940): Com foco na economia agrária, era baseada na ideia de transporte do campo para o mercado;
  • Logística 1.0 (1940-1960): Foco nas exigências que as guerras exigiam;
  • Logística 2.0 (1960-1970): Processos passam por integração interna; 
  • Logística 3.0 (1970-1980): Foco no cliente e na eficiência;
  • Logística 4.0 (De 1980 para cá): Surge o conceito de Suply Chain e destaque para a tecnologia. A logística ganha status de diferencial para os negócios.

Com isso, já é possível apontar algumas tendências para 2022, que estão relacionadas justamente à eficiência do transporte de cargas, com maior segurança e melhores resultados: 

  1. Inteligência Artificial

Sua aplicação irá tornar os processos cada vez mais ágeis e com maior segurança, sobretudo no processamento de dados e automatização de tarefas. 

  1. loT

Permite conectar uma máquina, por exemplo, à internet e se tornar uma fonte de dados ou mesmo servir como automação de atividades manuais. Trata-se da Internet das Coisas.

  1. Mais dados para monitoramento

A informação será uma moeda cada vez mais cara para o setor de logística. Além de dados sobre o motorista, o trajeto da carga poderá ser mapeado com precisão cada vez maior. Para isso, aplicativos e ferramentas serão desenvolvidos com maior agilidade.

Tudo isso, por sua vez, levará a relevantes impactos para todo os envolvidos, como maior eficiência operacional, diminuição das perdas, informações em tempo real, conectividade e maior satisfação dos clientes. 

Números que ajudam a explicar importância da logística

De acordo com o Índice da Movimentação de Cargas no Brasil, o primeiro quadrimestre de 2021 registrou R$ 2,9 trilhões em movimentação de cargas em todo o Brasil; alta de 38,63% em relação a 2020. Os números levantados pela empresa AT&M, que trata da averbação eletrônica para seguros de transporte de cargas, envolve transportadoras, operadores logísticos e embarcadores. Isso mostra que a pandemia não impactou o segmento. Mais do que isso, há a expectativa para que os dados sejam ainda melhores para 2022 em diante no país, sobretudo com a aplicação de algumas das inovações citadas anteriormente, que tem potencial para elevar os índices consideravelmente.

O Grupo Arizona está entre os agentes que pertencem a esse meio e, além de contar com certificações fundamentais para o setor, está em constante evolução de seus processos e atento às inovações que o mercado vem desenvolvendo ao longo dos anos. Tudo isso agregado à segurança de ser uma empresa com mais de 20 anos de atuação.

2 comentários em “Logística 4.0 e tendências para o transporte de cargas em 2022”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Matriz Contagem/MG

Av. Coronel Jove Soares Nogueira Nº 707
Bairro: Inconfidentes
CEP: 32.260-470

Filial São Paulo/SP

Rua 12 de Setembro,  277 – Vila Guilherme – São Paulo – SP – CEP: 02052-001

Ponto de Apoio / Serra do Navio-AP

Estrada do Tapereba, S/N
Bairro: Área Industrial da ICOMI
CEP: 68914-000

Filial Belém/PA

Estrada do Outeiro S/ N° Porto Norte Log
Bairro: Distrito Industrial de Icoarací
CEP: 668.15-902

Filial Macapá/AP

Estrada Macapá Mazagão S/N°
Porto Norte Log, Sala 5 B
Bairro: Distrito Industrial
CEP: 68.925-000

Copyright © GRUPO ARIZONA – Todos os direitos reservados.